sábado, 25 de fevereiro de 2017

Fim de Semana de Carnaval

Se em Portugal copiámos o Brasil, e este fim de semana vão sair à rua muitas escolas de samba, ou pelo menos associações com miúdos e graúdos a agitar o pé ao ritmo brasileiro... quase esquecendo as nossas tradições... na Alemanha o cortejo carnavalesco tende a ter outros ritmos e um pouco mais de roupa, que as temperaturas por aqui não são mediterrâneas.
Entre sexta e domingo tem lugar o desfile de crianças, organizado por escolas, infantários e comunidades. Mas não só, também haverá muita agitação nas ruas... cada associação tem as suas tradições, rituais e eventos específicos, como o mercado, o brunch, a missa... do Carnaval, mas há cidades como Düsseldorf e Colónia que a dimensão das festividades é maior.
E sabem que mais... é um tempo levado a sério pelos alemães. (A sério, perceberam a piada!?!?) Existem lojas abertas todo o ano, com dimensões enormes, apenas e só com fatos, máscaras, acessórios e tudo o que tenha a ver com o Carnaval. Se pensam que é apenas para miúdos, estão enganados. Os adultos são adeptos dedicados desta época festiva. E quando digo adultos... não digo jovens adultos, entendem?
São poucos os que ficam em casa por estes dias... até porque nos desfiles costumam-se lançar "prendinhas", normalmente guloseimas, e é ver quem vem para casa com o saco mais cheio. Mas já nós preferimos o saco vazio, e a paz do "lar doce lar", do que enfrentar multidões em delírio.

Bom Carnaval, para quem festeja!
Ah, e cuidado com os excessos. Cuidadinho!

Foto: sueddeutsche.com
Carro alegórico no desfile carnavalesco de Düsseldorf em 2014


Segue A Mulher do 31 (@amulherdo31) também no Instagram e no Facebook.

2 comentários:

  1. Eu não ligo mesmo nada ao Carnaval, nem me apercebo que já estamos nesta época xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com filhos em idade escolar acabo por me aperceber... para além das ruas fechadas para a passagem do cortejo... e o barulho... bem, por aqui existem muitos sinais incontornáveis de que o Carnaval está aí... mas mesmo assim nao me convencem a sair à rua e festejar.

      Eliminar

© A Mulher do 31 - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Ana Oliveira.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo