domingo, 27 de setembro de 2015

Cozinha 1# Duas Receitas para Pão de Pita

A Mulher do 31 tem procurado encontrar o equilíbrio na vida. Há cerca de 150 dias que estou decidida a ter uma vida mais saudável, pelo menos mais consciente do que faço, e não faço, para ela ser saudável.



Sou uma pessoa prática. Na cozinha não sou diferente. Não gosto de muitos rococós e perdas de tempo. Aproveito alguns restos. Nesta onda, fiz uma receita com sobras de carne à bolonhesa e outra com peito de frango. Não posso dizer as quantidades, pois foi a olho. Deixo-vos aqui as dicas, experimentem e comentem:

RECEITA - com Carne à Bolonhesa
sobras de carne à bolonhesa aquecidas
folhas de alface lavadas
queijo ralado
pão de pita

Depois de aquecer o pão, como diz na embalagem, e deste estar a uma temperatura que permita pegá-lo com as mãos, colocamos as folhas de alface, a carne e depois queijo por cima. Agora, é só dar a primeira dentada... as outras vão vir a seguir, de certeza.

RECEITA - com Peito de Frango e Molho Shoama
(receita do molho retirada do blog Nárwen´s Cuisine)

peito de frango grelhado, frito ou cozido, desfiado
folhas de alface lavadas
tomate às fatias finas

Preparar o pão de pita; assim que esteja pronto a rechear, colocamos o tomate e a alface, cobrindo com o frango desfiado e, por fim, o molho, cuja receita passo a dar.

6 colheres de maionese
8 colheres de sopa de natas
1/2 colher de sopa de cebolinho seco
1/2 colher de sopa de salsa em pó
4 colheres de chá de sumo de limão
2/3 colheres de chá de alho em pó
água (conforme a consistência desejada)

Com as natas e o sumo de limão fará o sour cream (natas azedas). Ora, misture as natas e o limão num recipiente, deixando-os por 15 minutos, ou até talharem.
Noutro recipiente coloque os restantes ingredientes, aos quais vai adicionar as natas, assim que estejam no ponto.
Nesta fase, misture os ingredientes com uma vara de arames e prove de modo a saber se o gosto está de acordo com o que pretende. Caso contrário, adicione um pouco mais daquilo que quer ver sobressaído, por exemplo alho ou limão, caso queira um sabor mais intenso a esse ingrediente.
Segundo li, o molho shoama torna-se mais saboroso no dia seguinte, por isso sugiro que o deixe repousar no frigorífico 24 horas. Isso pode fazer com que ele se torne mais espesso. Aí a solução será colocar um pouco mais de água. Se o caso for de ter ficado muito líquido, há que por um pouco mais de maionese.   

Bom apetite!
© A Mulher do 31 - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Ana Oliveira.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo