quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Ups! O que restou.

Foto: Ana Filipa Oliveira/ 2016
Hoje é dia de pesar-me e medir o meu perímetro abdominal. Falta pouco para o final do desafio... e parece que eu ainda não entrei bem no espírito do mesmo. É mesmo uma luta comigo mesma: para comer saudável e para fazer exercício. Aparentemente são duas coisas tão simples. Ou se calhar, não.
Mais simples ainda, pelo menos APARENTEMENTE, é beber muita água. E bem que eu preciso para ganhar outro desafio: o da amamentação. E até isso é uma batalha interior!? Tenho que me empurrar, tenho que me puxar, tenho que me obrigar a pegar na garrafa e beber.
Já viveste algo semelhante, com certeza! Se calhar querias deixar de fumar e não conseguias; ou sabias que aquele curso era importantíssimo para o teu trabalho, mas arranjavas mil e uma desculpas para não o fazeres agora... tantas situações em que podemos sentir dificuldade em ultrapassar a nossa zona de conforto ou vencer as nossas guerras interiores.
Eu tenho de certo um sabotador interno que não me quer deixar viver saudável e bela. Só que ele já deu nas vistas. E o primeiro passo para a mudança é a consciência. Assim de mansinho lá vou dando conta dos seus truques, e agora há que arregaçar as mangas e fazer-lhe frente. É que a barriga só tem graça quando transporta uma vida em crescimento. Deste resto, quero eu ver-me livre.

Sem comentários:

Enviar um comentário

© A Mulher do 31 - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Ana Oliveira.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo