Aprendizagem

Acreditaram em mim

outubro 07, 2016

O post de ontem Activia - Mulheres #Insync fez-me recordar de várias pessoas que acreditaram em mim, que foram as vozes edificadoras, as vozes impulsionadoras, as vozes construtivas, as vozes que procuraram o melhor de mim. Partilho convosco uma história em particular.
Em Dezembro de 2012 renasceu em mim o gosto pela fotografia, quer como fotógrafa, quer como fotografada. Nesse mês em especial, uma colega de curso pedira-me que lhe tirasse umas fotografias, para oferecer ao namorado que estava longe. Levei a minha Canon e fizemos uma sessão improvisada na sua casa. Ela gostou tanto, que dias depois estava a fotografar a sua irmã. Não ficou por aqui. Sempre que nos encontrávamos ela incentiva-me a aprofundar os meus conhecimentos e a expandir a minha visão. Dizia-me que eu tinha potencial para trabalhar na área e falava com um entusiasmo que a parte crítica de mim adormecia de imediato e o meu sorriso esticava-se nos meus lábios, o meu coração pulsava de alegria e fé. Poderia terminar aqui, mas não.
Em Agosto 2013, ela precisou de apresentar um trabalho para se candidatar a um lugar no mestrado. De quem é que ela se lembrou? De mim. De mim!? Pediu-me ajuda. Se eu podia oferecer-lhe fotos de mãos para o seu projecto? Ela acreditou que eu era capaz desse trabalho. Eu!? E lá montei o tripé e tentei, com a luz natural, sem grandes recursos, fazer o meu melhor. E mesmo não tendo conseguido o lugar, ficou grata. Sempre que há oportunidade, elogia o meu potencial, incentiva-me a retomar os estudos e colocar em acção a minha criatividade.
E esta maneira, como ela olha as minhas capacidades, paralisa aquela parte de mim, aquela que teima em se esconder, em se sentir envergonhada, em se diminuir... Que bom é termos pessoas assim por perto! Mas melhor ainda é que nós sejamos assim connosco mesmas.























SUBSCREVE







JUNTA-TE no Facebook