Avançar para o conteúdo principal

Costura 5# Capa para Bíblia

Esta é a versão da minha mãe, mulher com experiência em costura... e mais velha.




Esta é a minha versão: imperfeita... que eu tanto amo, pois foi a minha primeira capa e para a minha querida Bíblia.




Querem saber como se faz?
Aqui vos deixo as instruções.

Semelhantemente, ensine as mulheres mais velhas a serem reverentes na sua maneira de viver, a não serem caluniadoras nem escravizadas a muito vinho, mas a serem capazes de ensinar o que é bom.Assim, poderão orientar as mulheres mais jovens a amarem seus maridos e seus filhos,a serem prudentes e puras, a estarem ocupadas em casa, e a serem bondosas e sujeitas a seus próprios maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja difamada.Tito 2:3-5
É muito bom quando podemos conviver com mulheres mais velhas que nos ensinam. A minha mãe veio-nos visitar por alguns dias no mês de Janeiro. Já não nos víamos há meses, pois o meu marido, eu e o nosso filhos somos imigrantes na Alemanha e a maior parte dos nossos parentes continua em Portugal. Para além de gozarmos da companhia uma da outra nas formas mais banais, também aproveitámos para que ela me ensinasse como fazer correctamente uma capa para a Bíblia. Confesso-vos que vi como eu, sendo mais jovem, sou mais impaciente, quero rapidamente ver o resultado e avanço sem calcular todas as consequências. A minha mãe mostrou-me como é preciso ter tempo, paciência, tempos de cálculo e preparação, para que no final o trabalho seja realmente bonito.
Deixo-vos os passos que a minha mãe deu para fazer a capa, mas existem várias formas de realizar este trabalho. Esta parece-nos bastante fácil.

MATERIAL e MEDIDAS:
- 2 rectângulos de tecido interior/exterior: estes devem ser medidos, acrescentando dois centímetros para cada lado do tamanho da nossa Bíblia
- 1 rectângulo de tecido para forro: da medida dos anteriores
- 2 barras de tecido para as laterias: deve ser um pouco menos de metade do tamanho da capa
- 2 barras de tecido simples para o interior das laterais: da medida dos anteriores
- 1 fita para servir de marcador: deve-se ter em consideração o volume do livro, para que ainda sobre fita no final de colocada entre algumas partes do mesmo

CORTAR:
Para cortar primeiro é preciso medir realmente bem. Invista tempo neste passo, para que depois tudo corra lindamente. DICA: Dobre o tecido na medida que deseja cortar, passe com o ferro sobre ele ou prenda-o com alfinetes, depois pode cortá-lo direito (sem curvas e contra-cruvas).

MÃOS À OBRA:
1. Para prender a capa ao livro que se vai usar temos de ter duas bandas na ponta exterior do lado interior da capa do livro e contracapa. Nesta fase, começamos por alinhavar a banda lateral do lado que não fica cosida com os restantes tecidos, pois nesta fase iremos apenas coser num dos lados, aquele que não será costurado com os restantes tecidos. Depois costuramos à máquina pela linha do alinhavo, com um ponto direito e espaçamento 3. Após cosermos com a máquina retiramos o alinhavo. CUIDADO: porque pode acontecer que essa linha fique presa na outra e ao arrancar, descose-se aquilo que tinhamos estado a fazer. Passa-se com o ferro para ficar bem lisinha.

2. Agora vamos colocar os vários tecidos em camadas:

  1. tecido exterior
  2. bandas laterais
  3. tecido interior
  4. tecido de forro (intratela)
Coloca-se o lado direito com o lado direito dos tecidos exterior e interior. ATENÇÃO: verifique se os padrões, depois de cosidos os tecidos, estarão na correta direcção. As bandas são colocadas com o seu lado exterior (direito) entre estes dois rectãngulos de tecidos. A intratela fica por baixo deste grupo.  Agora é a vez da fita marcadora. Pode-se coser na pontinha (que será a bainha) com linha de alinhavar. Esta fita deve ser colocada no meio do grande tecido. ATENÇÃO: ver bem a direcção do tecido, para que não cosamos do lado errado.

3. Depois de tudo montado (tecido com tecido) alinhava-se pela medida que se deseja. CUIDADO: há que deixar uma margem para não ficar pouca bainha e, logo, muito justo, pois isso é importante para o tecido não se desmanchar e também para que o livro possa ser manuseado. Ao alinhavar temos a vantagem de depois podermos virar os tecidos e verificar se realmente está tudo correto. Inclusive podemos experimentar na Bíblia se realmente está bom e se podemos finalizar o trabalho.

4. Se está tudo OK, então com o ponto direito, com espaçamento 3, cosemos a toda a volta do tecido, excepto no meio do lado oposto do que vamos coser a fita marcadora. Temos de deixar aí uma abertura para poder virar o tecido. Depois disso tiramos as linhas de alinhavo e viramos o tecido. Agora é hora de coser à mão a abertura, pela qual virámos o tecido. E podemos passar a ferro e colocar na nossa Bíblia.

Numa das próximas mensagens vou mostrar como se faz passo a passo, com fotografias.



Comentários

Mensagens populares deste blogue

|Emagrecimento| Antes e Depois

Talvez te recordes desta fotografia!? Daquela mensagem que partilhei AQUI, acerca do Antes e Depois de grávida!? Mas agora este Antes e Depois trata-se de quando ainda não tinha iniciado a minha reeducação alimentar e do ponto a que quero chegar com ela. Mas não só chegar, como manter.
Diga-se que a fotografia do Depois ainda merecia uma redução da barriga, ou uns abdominais mais definidos... O duplo queixo??? Dispenso.
Entre uma fotografia e outra ficam (de forma simulada) 10 quilos de diferença. Se me perguntares: e quando queres chegar a esse ponto? Respondo-te: sem prazos, quero respeitar o meu ritmo, quero sentir cada etapa de modo consistente, com flexibilidade, sem restrições, nem fanatismos. Até porque a minha intolerância à lactose e os meus problemas da tiróide precisam de tempo para se reestruturarem, ou eu aprender a dar-lhes a volta.
Dizem que por sofrer de hipotiroidismo tenho mais dificuldade em emagrecer. Dizem... Como me dizia aquela senhora no ginásio, depois de eu …

|Portugal| Em Grande Sofrimento

Sento-me ao computador para ler os últimos post dos blogues que sigo... a primeira ida à praia, este ano, da Carlota; uma receita para os pequenos comerem legumes disfarçadamente; uma declaração de ser agnóstica por tudo o que se vê na TV e começo a perceber que algo se passou...

Cá em casa não temos canais português, por isso não sabemos o que se passa em Portugal, a menos que falemos com os nossos familiares e amigos, ou que procuremos na net. (É uma opção!)

Pronto, vou ao Sapo para ver o que realmente está a acontecer. Pensei que fosse mais uma fase que há todos os anos, em que os "anjos" (bombeiros) sofrem horrores para proteger aquilo que é de todos, bem como os bens de privados, que vêem ameaçadas as suas propriedades com labaredas rebeldes, que teimosamente não apagam e dançam livremente por onde lhes apetece, sem que ninguém queira dançar com elas.

E é no seguimento dessa leitura que me dei conta do que Pedrógao Grande viveu e está a viver. Por mais que possa fazer o…

Steve Jobs: Nem sempre os bem sucedidos são vencedores

Steve Jobs, até há pouco tempo, era apenas a figura central de um livro que entrou na nossa casa, mas que ainda ninguém leu. Aquele tipo de livro que se olha para ele várias vezes, folheia, mas que continua por ser lido. E assim se mantém...

Mas de repente o interesse de o ler cresceu. Aliás tem-se desenvolvido à medida que vou tendo contacto com citações dele, mas também depois de ter visto um vídeo, no qual já aparecia bastante debilitado pela doença, e fala de aspectos realmente importantes na vida... e agora devido ao filme que assisti através da Amazon Prime, com o seu nome, e com Michael Fassbender a representá-lo.

Trata-se de um drama biográfico da vida de um homem cheio de sucesso na vida profissional, mas com dificuldades nos relacionamentos pessoais e familiares. Kate Winslet desempenha o papel fantástico de seu braço direito, como directora de Marketing que o acompanhou desde os tempos da Apple. E é ela que, como diz no filme, sabe e explica aos outros como Steve Jobs funci…